Liderança
 
 
 
   
 
Comissões
 
 
 
 
Bancada da Maioria
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Legislativo
 
 
 
 
Multimídia
 
 

Notícias
Publicada em 18 de Agosto de 2017 ás 14:58:06
Share

ALBA debate ações da Defesa Civil

A Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, presidida pela deputada Fabíola Mansur (PSB), realizou ontem o seminário “Defesa Civil – Desafios e Ações” com o objetivo de debater as políticas públicas de prevenção a acidentes ambientais em áreas de riscos, além da discutir como essa intervenção poderá ser executada nas escolas. A atividade contou com a presença do presidente Angelo Coronel (PSD).

Na ocasião, foram debatidos os fenômenos naturais, treinamentos de capacitação para primeiros socorros, oficinas pluviométricas artesanais para crianças e jovens e identificação de saídas de emergências nas escolas. “Quando há um tempo de muita chuva e os riscos de inundação são maiores, os treinamentos nesses lugares devem ser eficientes, para que estejam preparados para um possível caos”, disse Vitor Gantois, coordenador de ações estratégicas da Defesa Civil.

De acordo com pesquisas do portal da Codesal, existem locais não propícios à construção de casas, pois estão sujeitos a desastres naturais como desabamento e inundações. Foi alertado que essas áreas estão crescendo devido a ação irregular do homem contra a natureza, como ocorre quando há a alteração de cursos d’água, ocupação de várzeas e encostas, queimadas, produção e deposição inadequada de lixo, desmatamentos, dentre outros. As encostas de morros e as beiras de rios são locais considerados como áreas de riscos, onde deve ter um constante monitoramento.

“A Defesa Civil é uma instituição que realmente combate as intempéries. É uma instituição que dá a sua vida para combater e tentar zerar e acabar com os problemas de incêndio e enchente. A instituição precisa ser mais respeitada pala classe política e é necessário que o Governo Federal olhe a Defesa Civil com uma instituição que cuida de gente”, disse o presidente Angelo Coronel.

A deputada Fabíola Mansur agradeceu a presença do presidente da ALBA e ressaltou que “em parceria se constrói mais”, por ser um projeto de muita importância para a população baiana. Por seu turno, Vítor Gantois afirmou que “a população deve ficar alerta aos sinais como postes, cercas e árvores que começam a inclinar, as trincas nas paredes ou no chão e degraus são evidências que o terreno está se movendo e, com isso, é possível evitar as grandes tragédias”.

Participaram também dos trabalhos, Paulo Luz, coordenador de adjunto de ações estratégicas da Sudec; professor Roberto Bastos Guimarães, doutor Carlos Henrique Medeiros, presidente do Comitê Brasileiro de Barragens (CBB), Adriele Andrade, coordenação executiva da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Jaguaquara e Gustavo Pedreira do Couto Ferraz, diretor-geral da Codesal.



ASCOM

Leia Também
 
Assembleia Legislativa da Bahia
1a Avenida, 130, CEP: 41.745-001, CAB, Edifício Jutahy Magalhães, 3 andar - Salvador-Bahia.
Tels.: (71) 3115-7270
  Via X Internet